UBER em Itapetininga.

O serviço de transporte privado por aplicativo chamado UBER, começou a operar em Itapetininga. O preço de uma viagem custa R$ 2, sendo que será cobrado mais R$ 1,10 por quilometro rodado e 20 centavos por minuto. O aplicativo norte-americano está presente em centenas de cidades do mundo e já funciona em mais de 50 municípios brasileiros. O cálculo é feito por um sistema eletrônico. Assim que a corrida é encerrada, o valor é informado ao usuário e é debitado automaticamente no cartão de crédito do cliente. O preço mínimo da corrida e a taxa de cancelamento será de R$ 5. Na cidade, o Uber também aceita pagamento em dinheiro. O motorista Adriano Monteiro de Souza, foi o primeiro a apostar no Uber em Itapetininga. Ele, que já foi moto-taxista, opera com o aplicativo desde a semana passada. “Entrei no site e resolvi me cadastrar e agora trabalho com o Uber nas minhas horas vagas de outros serviços”, conta. Ele afirma que muitos itapetininganos ainda desconhecem, “Muitos não sabem. Geralmente faço corrida para quem é de fora e está aqui em Itapetininga. Em outras cidades, o Uber é mais divulgado”, disse o motorista. Ele também acredita que o Uber deve acirrar ainda mais a concorrência entre táxi, moto-táxi e o ônibus que opera o transporte coletivo na cidade. “O itapetiningano vai ter mais opção e a concorrência vai ser boa para melhorar a qualidade do serviço”, diz Monteiro. Procurado pela reportagem, a assessoria de imprensa do Uber informou que Itapetininga está no perímetro de abrangência da cidade de Sorocaba, onde o aplicativo opera desde o final do ano passado. Usuários Para usufruir do serviço, o usuário precisa baixar o aplicativo, se cadastrar na plataforma, inserir o e-mail e dados do cartão de crédito. O pagamento das viagens é feito por cartão de crédito e também a dinheiro. Após a corrida, o passageiro recebe no próprio e-mail dados e o valor final da viagem. Motoristas que tenham interesse em fazer parte do serviço podem se cadastrar por meio do site da Uber. A empresa exige que o condutor tenha Carteira de Habilitação com Observação que Exerce Atividade Remunerada, documentos do carro quitados e sem multas e atestado de antecedentes criminais. (Fonte: Jorna Correio de Itapetininga)

Anúncios